Outubro rosa, câncer de mama saiba como prevenir

O Outubro Rosa é um movimento mundial que se tornou referência no combate ao câncer de mama. Em vários países, a cor rosa ilumina prédios e monumentos históricos para lembrar que as mulheres acima de 40 anos precisam fazer a mamografia uma vez ao ano.

amo maceio 1

Muitas mulheres sofrem com este câncer que se manifesta de diversas formas, algum deles são pelo histórico familiar, aumento da idade, excesso de peso, o fumo e a ingestão regular (mesmo que moderada) de álcool, entre outros.
É muito importante que a mulher tenha consciência de fazer uma vez por mês o autoexame, consultas regulares ao médico e se tiver a partir de 40 anos fazer o exame de mamografia todo o ano. Descobrir o diagnóstico precoce, as chances de obter a cura é maior.
Pesquisadores da Universidade de Estetino, na Polônia e a Sociedade Americana de Câncer fizeram estudos que a prática de uma média de 3 a 5 horas semanais de exercício físico eliminam o excesso de lipídios que circulam no sangue e essas moléculas não são tão aproveitadas pelo tumor como substrato para seu desenvolvimento. Saber de formas que amenizam a piora são muito relevantes para as mulheres que já sabem do diagnóstico positivo. É uma forma de estimular a luta, a autoestima e valorização de si.

amo maceio 2

O mês de outubro foi dedicado para simbolizar e fortificar a importância de se cuidar na prevenção do câncer de mama. O movimento começou a surgir em 1990 na primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, e desde então, promovida anualmente na cidade. Entretanto, somente em 1997 é que entidades das cidades de Yuba e Lodi, também nos Estados Unidos, começaram a promover atividades voltadas ao diagnóstico e prevenção da doença, escolhendo o mês de outubro como epicentro das ações.
Hoje o outubro rosa é realizado em vários lugares, inclusive no Brasil em várias formas de manifestação, no futebol, iluminação rosa no Cristo Redentor, muitas marcas grandes fazem questão apoiar, entre outras ações, tudo para enfatizar que é preciso se cuidar, pois muitas mulheres morrem no nosso Brasil por este tipo de câncer.